China abre hospital construído em 10 dias para tratar pacientes com coronavírus

O primeiro hospital do mundo a tratar pessoas infectadas com o coronavírus 2019-nCoV foi entregue neste domingo e começará a receber pacientes desde 3 de fevereiro, disse o prefeito de Wuhan, Zhou Xianwang.

Desde o início da construção e a abertura deste centro médico, apenas 10 dias se passaram.
1.400 médicos militares trabalharão no Centro Médico Huoshenshan, cuja transferência para Wuhan acaba de ser aprovada pelo presidente chinês Xi Jinping, relata o Ministério da Defesa chinês em seu site.

O Hospital Huoshenshan, cuja construção começou em 23 de janeiro, receberá principalmente pacientes com diagnóstico confirmado. Terá uma unidade de terapia intensiva, uma unidade médica geral, unidades de controle e diagnóstico de infecções, entre outras.

Possui uma área de 25.000 metros quadrados e capacidade para receber 1.000 pacientes por vez.

Outro hospital, o de Leishenshan, também construído contra o relógio no meio do surto de coronavírus na China, terá capacidade para 1.600 leitos e estará operacional na próxima quinta-feira (06/02).
Ambos seguem o modelo do hospital Xiaotangshan em Pequim, que foi levantado em uma semana durante a epidemia da síndrome respiratória aguda grave (SARS), em abril de 2003.Inaugurado o primeiro hospital construído para tratar pacientes com coronavírus

De acordo com as informações confirmadas pelas autoridades chinesas, na noite de 1º de fevereiro o número de mortes do coronavírus 2019-nCoV subiu para 304, enquanto mais de 14.300 pessoas estão infectadas.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *