Gêmeos raros de elefante africano sobrevivem, apesar das chances pequenas

Apenas 1% dos nascimentos de elefantes resulta em gêmeos.

 

reserva de Pongola Game, situada no noroeste de Kwa-Zulu Natal, África do Sul, comemorou o nascimento de elefantes gêmeos no último sábado. O evento raro acontece em menos de 1% dos nascimentos de elefantes no mundo e a chance de ambos sobreviverem é ainda menor. As informações são da página do Facebook da reserva.

Segundo o especialista em elefantes, Dr. Ian Whyte, do Parque Nacional Kruger, casos de gêmeos são pouco reportados e, em mais de 1.200 nascimentos estudados por ele, nenhuma vez encontrou algum. Por isso, a comunidade científica comemora o acontecimento na reserva.

 

Os pequenos (e fofos!) gêmeos ainda não foram nomeados, mas são filhotes de Curve, uma elefante de 31 anos, e, provavelmente, do elefante Ingani, de 44 anos. O sexo dos gêmeos ainda não foi confirmado, já que a mãe ainda não deu espaço suficiente para os especialistas, tornando-se extremamente protetora e perigosa para protegê-los.

“A morte de um dos gêmeos geralmente ocorre com a crescente demanda por leite que não  pode ser satisfeita pela mãe e, então, o menos dominante dos dois bezerros não pode ter acesso a sua parte”, explicou Whyte.

 

 

Fotos: Facebook/Pongolo Game Reserve

 

Fonte: National Geographic
Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *