Vaquinha de bailarina filha de diarista consegue 5 vezes o valor da meta

vaquinha de uma jovem selecionada pelo Bolshoi deu mais que certo. Os esforços da família de Lígia, de 9 anos, renderam cinco vezes mais do que o objetivo inicial.

A mãe, Daniela Pires, que trabalha como diarista em Salvador, pediu R$ 3 mil reais para cobrir os custos com passagem, hospedagem e alimentação em Joinville, Santa Catarina. Conseguiu 14,9 mil reais.

Lígia dançando em Salvador

A mãe de Lígia gastou, só de passagens aéreas entre Bahia e Santa Catarina, R$ 1.335. Os bilhetes foram comprados via cartão de crédito de uma das patroas de Daniela. O processo seletivo do balé mais respeitado do mundo acontece entre os dias 18 e 20 de outubro.

A solidariedade que não deixa talentos morrerem

Lígia Pires nem chegou aos 10 anos, mas sabe que nasceu para a dança. Ela vive no bairro popular do Engenho Velho da Federação. Na sala da casa ostenta orgulhosa a primeira medalha conquistada em um festival. Boa sorte, pequena!

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *