NOVE METEOROS CAEM AO MESMO TEMPO NO MARANHÃO

A Rede Brasileira de Monitoramento de Meteoros (BRAMON) é composta por centenas de operadores em todo o Brasil que visam apontar câmeras para o céu e capturar as famosas “estrelas cadentes” – nome popular para o fenômeno de meteoro. Uma dessas estações, operada por Edgar Mendes Merizio e localizada mais precisamente na cidade de São José do Ribamar, no Maranhão capturou o que parece ser um evento único na astronomia nacional: nove meteoros de uma vez só.

A causa de um fenômeno assim ainda é incerta, mas um dos pesquisadores da BRAMON diz que “é algo muito raro, mas pode ser um meteoroide pouco coeso que se parte antes de atingir a atmosfera”, relatou Marcelo Zurita, membro e diretor técnico da rede.

Alguns pesquisadores também dizem que o fenômeno pode estar associado ao “que poderiam ser um único corpo e que por efeito de maré rompeu-se e gerou esta multiplicidade de meteoros. Ou os mesmos fazem parte da trilha de uma chuva de meteoros nova ou já catalogada”.

Capturas semelhantes já foram feitas por integrantes da BRAMON, no entanto, ao contrário delas, a captura realizada na madrugada desta quarta-feira, foram filmados nove e pode ser um evento único na astronomia nacional e mundial. “Já havíamos registrado meteoros múltiplos antes, mas nunca com tantos fragmentos”, disse a rede em um comunicado nas mídias sociais.

Dada a raridade do fenômeno, é natural que haja poucas informações sobre seu acontecimento. No futuro, e com mais capturas como essa, os astrônomos poderão finalmente determinar a causa concreta desse evento. Saiba como montar sua estação da BRAMON e ajude-os a obter ainda mais cobertura do céu no Brasil.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *